setembro 24, 2013

Papinhas Cruas de Aveia, Trigo Sarraceno e Chia :: Oat, Buckwheat and Chia Raw Porridge

Please scroll down for English version

Os pequenos almoços cá em casa são sempre de campeão. Sempre fui daquelas pessoas que acordam com apetite e depois do meu religioso copo de água morna com gengibre e curcuma e um toque de sumo de limão e cayena (se quiserem um dia destes falo mais sobre este ritual) sou capaz de jurar que tenho um savana inteira a viver na minha barriga. E como é óbvio não pode ser qualquer coisa a acalmar essa bicharada toda! Sim confesso que houve tempos, em que iludida pela suposta questão prática,  me rendia aos cereais de pacote que invariavelmente me deixavam com fome 10 minutos depois de os comer. Mesmo aqueles que em letras gordas anunciam a todos os cantos do mundo as maravilhas dos cereais integrais! Pois, pois...

Uuuff! Ainda bem que esses dias ficaram para trás e que agora percebo que com um bocadinho de organização podemos demorar quase o mesmo tempo a preparar um pequeno almoço bem mais delicioso, saudável e, para aqueles que também acordam com savanas na barriga, saciante!

Um dos meus pequenos almoços favoritos são estas papinhas cruas, uma adaptação das famosas overnight oats, uma verdadeira bomba de vitalidade, recheada dos nutrientes de todas as suas sementes e cereais a acordarem. Quem se lembra do post sobre os germinados? Agora imaginem uma taça cheia dessas maravilhas! E o melhor de tudo é que são super práticas e podem ser preparadas de véspera, ou até logo a contar com a semana toda, e para os mais apressados ou os que não têm logo fome de manhã, são perfeitas para levar num frasquinho para o trabalho!

São super versáteis e as as combinações de cereais e sementes são quase infinitas. Estas são de Aveia, presença obrigatória nas minhas manhãs, Trigo Sarraceno, umas sementes armadas em cereais, e Chia e foram acompanhadas com os últimos Miritlos do Verão e um suculentos Pêssegos.


As super estrelas

Aveia, um clássico de qualquer pequeno almoço é super rica em fibras o que já sabemos é óptimo para o bom funcionamento intestinal, diminuição dos níveis de colesterol e controlo dos níveis de açúcar no sangue e uma libertação prolongada de energia. Mas é também uma boa fonte de proteína, com a maioria dos aminoácidos essenciais, e de uma série de minerais destacando-se o Manganésio, Selénio e Zinco que em colaboração com os antioxidantes presentes na aveia, protegem as células do corpo do stress oxidativo e contribuem para o normal funcionamento do sistema imunitário e da glândula tiróide e para a saúde do cabelo e unhas.

Trigo Sarraceno, apesar do nome estas sementes triangulares não são sequer da família dos cereais mas sim de uma planta do género do ruibarbo, e por isso, ao contrário do que o seu nome pode levar a pensar, não contém glúten. Nutricionalmente é muito rico em proteínas e tem todos os aminoácidos essenciais, perfeito para vegetarianos e vegans, e magnésio, o mineral fundamental para quem pratica muito deporto, pois tem um papel muito importante no funcionamento e regulação da contracção muscular. Na cozinha é super versátil, adaptando-se muito bem tanto a pratos salgados como a gulodices. Podemos usar tanto a sua farinha para fazer bolos, crepes ou panquecas como as sementes em si... Cozidas para sopa ou papas, ligeiramente tostadas para salpicar desde saladas a sobremesas ou simplesmente cruas e demolhadas como neste pequeno almoço! Tem um sabor muito característico e tenho de admitir que a primeira vez que provei não foi fácil, mas se lhe derem uma hipótese facilmente se torna num indispensável da vossa despensa.

Chia estas minúsculas sementes são a maior fonte de Ómega 3 do planeta, ácidos gordos essenciais para um cérebro e coração saudáveis, reduzindo o risco de acidentes vasculares, problemas cardíacos e Alzheimer. São extremamente ricas em fibras e a sua capacidade em absorver água, formando uma espécie de gel, ajuda a manter a sensação de saciedade por várias horas, libertando energia de forma prolongada, para além de facilitar o trânsito intestinal e melhorar a digestão.
































Breakfasts around here are always worthy of kings and queens. I have always been one of those people who wakes up with with appetite and after my religious glass of warm water with ginger, turmeric and a touch of lemon juice and cayenne (if you want i can speak more about this ritual) I can swear that I have a whole savanna  living in my belly. And, obviously, I have to take really good care of all of those wild creatures!! Yes I confess that there were times in which, deluded with the alleged practical matter, I used to surrender to the box cereals which invariably made ​​me hungry 10 minutes after eating them. Even those that in bold print advertised to all corners of the world the wonders of whole grains! Yeah right...

Uuuff! Thankfully those days are over and now I realize that with a little organization we can take almost as long to prepare a breakfast and that is more delicious, healthy, and for those who also wake with savannas in the belly, satiating!

One of my favorite breakfasts are these raw porridges, an adaptation of the famous overnight oats, a bombshell of vitality, full of nutrients of all the wakening seeds. Remember the post on sprouting? Now imagine a bowl full of those wonders! And the best of all, is that they're super practical and can be prepared in the evening before, or even for all week, and for those in a hurry or that just don't wake up feeling hungry, they are perfect to take to work in a glass flask!

They are very versatile and the combinations of cereals and seeds are almost endless. These are of Oats, a mandatory presence in my mornings, Buckwheat, some seeds armed in cereals, and Chia and they were accompanied with the last summer Blueberries and juicy Peaches, but feel free to flow with you imagination! 


The superstars

Oats, a classic of any breakfast, are super rich in fiber which we already know is great for our bowel function and to help decrease the cholesterol levels, control blood sugar levels and giving us a prolonged release of energy. But it is also a good source of protein with essential amino acids, and a variety of mineral specially manganese, selenium and zinc that in conjunction with the antioxidants present in oats protect our body cells against oxidative stress and contribute to the normal functioning of the immune system and thyroid gland and to the health of hair and nails.

Buckwheat, despite its name these triangular seeds are not even the family of cereals but from a plant of the genus rhubarb, and so, contrary to what its name might give the impression does not contain gluten. Is nutritionally rich in protein and has all the essential amino acids, perfect for vegetarians and vegans, and magnesium, the mineral essential for those who practice very deport as it has a very important role in the functioning and regulation of muscle contraction. In the kitchen is super versatile, adapting well to both savory dishes as delicacies. We may use both your meal as the seeds themselves ... Cooked in soup, lightly toasted to splash from salads to desserts or just raw and soaked as this breakfast! It has a very distinctive taste and I have to admit, the first time I tasted it was not very easy, but if given a chance it easily becomes indispensable in your pantry.

Chia, these tiny seeds are he major source of Omega 3 on the planet, fatty acids essentials for a healthy brain and heart, reducing the risk of strokes, heart disease and Alzheimer's. They are extremely high in fiber and its ability to absorb water, forming a sort of gel, helps maintain the feeling of satiety for several hours, releasing energy for a prolonged period, and improves the intestinal health.



Papinhas Cruas de Aveia, Trigo Sarraceno e Chia

Ingredientes (4 a 6 doses)

170 g de Aveia, em grãos
170 g deTrigo Sarraceno
85 g de Sementes de Chia
10 Amêndoas
2 Tâmaras Medjool, sem caroço
1/2 colher de chá de Pasta de Baunilha
Água para demolhar


Preparação

Em tacinhas separadas colocar a aveia, o trigo sarraceno, a chia e as amêndoas de molho entre 2 a 8 horas. (com a chia colocar água só até cobrir).
Descascar as amêndoas, escorrer bem a água da aveia e do trigo sarraceno e colocar num processador de alimentos.
Juntar o gel que entretanto se formou com as sementes de chia, a baunilha e as tâmaras medjool.
Bater até obter um puré e se necessário ir acrescentando água.
Servir com os toppings favoritos
Pode-se guardar no frigorífico num recipiente de vidro por 3 a 4 dias.

Ideias para os Toppings

Fruta fresca
Coco em lascas
Pepitas de chocolate
Cacau
Frutos Secos
Bagas Goji
Manteigas de Frutos Secos (Avelã, Amendoim, Amêndoa...)
Sementes tostadas (Abóbora, Girassol, Sésamo...)
Polen
Canela
Mel / Agave / Xarope de Ácer


Oat, Buckwheat and Chia Raw Porridge

Ingredients (serves 4 to 6)

170 g Oat groats
170 g Buckwheat groats
85 g Chia Seeds
10 Almonds
2 Medjool Dates, pitted
1/2 tsp Vanilla Paste
Water for soaking

Directions

In separate bowls soak oats, buckwheat, chia seeds and almonds  from 2 to 8 hours (with the chia seeds put water just to cover).
Peel the almonds, drain the water of the oat and buckwheat groats and place in a food processor.
Add the chia seeds gel, vanilla and medjool dates.
Beat until a puree, adding water if needed to go.
Serve with your favorite toppings.
Can be kept in the fridge in a glass container for 3 to 4 days.

Ideas for Toppings

Fresh Fruit
Coconut chips
Chocolate chips
Cacao
Nuts
Goji Berries
Nut Butters (Hazelnut, Peanut, Almond...)
Toasted Seeds (Pumpkin, Sunflower, Sesame ...)
Bee Polen
Cinnamon
Honey / Agave / Maple Syrup


Fontes nutricionais  daqui e daqui :: Nutricional info from here and here


20 comentários:

  1. adoro mirtilos, aveia, mel e sementes de chia mas papas de aveia não sei porquê não é o que mais gosto! mas fiquei rendida a esta combinação :)
    quem sabe não é desta que fico fã :)
    beijinhos***

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. estas são completamente diferentes das tradicionais! tens de experimentar! ;) *

      Eliminar
  2. Para mocinhas de barba rija !...é só power

    ResponderEliminar
  3. Também adoro essas papinhas cruas Joana mas mais na hora do lanche. Ao pequeno almoço ninguém me tira a torradita e a meia de leite bem escurinha lol

    beijinhos!

    ResponderEliminar
  4. gostava de saber mais sobre esse teu ritual matinal, água morna com limão já tinha ouvido falar e por vezes faço, mas essa mistura! podes explicar como fazes e porque fazes?

    ResponderEliminar
  5. Fiquei intrigada com o teu ritual matinal do copinho de água com muitas coisas boas. Tens que falar nisso, ai tens, tens :)

    Quanto às papas cruas, por cá são um hábito: já experimentei imensa versões e, embora a aveia seja a minha favorita, confesso que o centeio não se sai nada mal não senhor. As sementes chia estão sempre presentes, para dar consistência, e depois o resto vem com a vontade. Em dias difíceis, nada como umas papas de aveia, com sementes chia, um pouco de manteiga de amendoim caseira, amendoins ralados, cacau em pó e raspas de chocolate. Mas ainda bem que os dias são maioritariamente fáceis LOL!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. UUII! Que esses dias difíceis têm um começo tão delicioso!! Yami!! :D ...o copinho vai ser o próximo post, está prometido! ;) *

      Eliminar
  6. Adorei este post! Tb acordo sempre com a savana na barriga :D
    Não há melhor pequeno almoço que este que nos apresentas. Adorei!

    Bj

    Sara

    ResponderEliminar
  7. Mmm... nham! Nunca experimentei trigo sarraceno, mas já tenho uma boa razão ;)
    Também gostava de saber mais sobre o ritual do copo de água com pozinhos de perlimpimpim ;) Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Hum, eu adoro estas papinhas!
    E adorei a tua savana na barriga :) hehe
    O trigo sarraceno vai bem aqui, com os pêssegos e os mirtilos, que maravilha.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  9. Que saudadinhas de vir aqui! Sempre tudo tão bonito e delicado! Estás cada vez melhor és como o vinho do Porto :) beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ufff!! Assim preciso de babete! ;) Beijinhos querida!! *

      Eliminar
  10. Ai essas fotos! Estão lindíssimas! Delicioso!
    Beijinhos

    http://bocadinhosdeacucar.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Olá

    Que aspeto delicioso :-)

    Vem ver o concurso que está a decorrer no meu blog (a receita já pode ter sido publicada)

    http://www.pratocaseiro.blogspot.pt/2013/09/parceria-ramiro-leao-e-um-passatempo.html

    Beijinhos
    http://www.pratocaseiro.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Uma delicia!
    Kiss, Susana
    Nota: Ver o passatempo a decorrer no meu blog:
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/10/dia-um-na-cozinha-e-escolha-do.html

    ResponderEliminar
  13. Miss Vite quando dizes bater a aveia e o trigo num processador de alimentos é tipo o quê? podes explicar-me melhor?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uuuhmmm... Não percebi muito bem a tua dúvida... O que eu quero dizer é colocar os ingredientes num processador de alimentos, que também podes chamar de robot de cozinha, e misturar até ficar tudo numa espécie de puré. Espero ter ajudado! ;)

      Eliminar
  14. Looks very good ! I'll have to try soon :)

    ResponderEliminar